Neste Artigo:

Vários profissionais podem intervir para garantir o bom funcionamento de um condomínio. Há, naturalmente, o administrador que representa o sindicato da propriedade e gerencia as partes comuns. Mas há também outros atores, como o zelador, o zelador, o pessoal de manutenção, o jardineiro ou as várias lojas de conveniência.

O porteiro ou zelador

Entre os funcionários de um condomínio, encontramos o porteiro ou guardião. A principal tarefa deste último é guardar o edifício. Mas é possível que outras tarefas sejam atribuídas a ele, como limpeza ou entrega de correspondências. Os detalhes de sua missão são claramente definidos em seu contrato de trabalho, assim que ele é contratado. Uma loja ou benefícios em espécie às vezes pode ser incluído no contrato.

No que diz respeito aos deveres do porteiro, estes podem ser muito numerosos. Ele abre e fecha as portas. Congratula-se, informa e orienta os moradores e potenciais visitantes. Ele também pode cuidar da pequena manutenção, como a troca das lâmpadas. Garante um supervisão geral do edifício e partes comuns e deve relatar os distúrbios, se necessário. No geral, o concierge garante que as regras do condomínio sejam respeitadas. Muitas vezes é para este profissional que os co-proprietários transmitem as reivindicações. Estes são registrados por ele antes de serem comunicados ao administrador da co-propriedade.

Equipe de manutenção e governanta

Ao mesmo tempo, há pessoal de manutenção que limpa as áreas comuns. Ele cuida do interior e do exterior, da entrada, do corredor, dos corredores, das escadas e, às vezes, do jardim. As empregadas asseguram que o edifício está sempre em perfeitas condições e cumprem as tarefas definidas no contrato.

Outros profissionais de um condomínio

Além do zelador, do zelador e do pessoal de manutenção, outras posições podem ser úteis, dependendo das especificidades da co-propriedade, como o salva-vidas ou o jardineiro. Todo recrutamento deve imperativamente respeitar os textos votados durante a assembleia geral de coproprietários.

Gerenciando os funcionários de um condomínio

Gestão de pessoal em uma co-propriedade o administrador, seja o porteiro, o zelador, as donas de casa ou qualquer outro funcionário do prédio. Ele é responsável por contratar e demitir, mas também por treinar. Ele deve garantir que o trabalho feito pelos funcionários corresponda à situação do prédio, sabendo que as tarefas podem mudar com o tempo.

Também deve ser notado que a assembléia geral é o único órgão autorizado a determinar o número de empregados, as tarefas designadas e sua remuneração.


Instruções De Vídeo: Os condôminos são patrões diretos dos empregados do condomínio? #19