Neste Artigo:

Você escolheu confiar a construção de sua casa a um construtor. Você vai concluir um contrato. Com o que ele se envolve? Que garantias isso lhe traz? Descriptografia.

O contrato para a construção de casas individuais

Construção individual de moradias com ou sem plano

Você tem a escolha entre duas fórmulas:

  • O contrato de construção de moradia individual com oferta de plano.
A casa é "chave na mão". O construtor cuida de tudo. Você escolhe um modelo de casa proposto pelo profissional em seu "catálogo". Você tem, no entanto, uma margem para personalizar sua futura casa. A fórmula é muito enquadrada pela lei e traz o máximo de segurança.
  • O contrato de construção de casa individual sem provisão de plano.
Você mesmo faz os planos ou confia a missão a um profissional, um arquiteto, por exemplo. Mesmo se você cuidar de uma parte do trabalho, você deve concluir este contrato de construção, se o construtor é responsável pelo trabalho estrutural, a água fora (instalação do telhado e vedação dos terraços) e fora do ar (instalação de portas e janelas exteriores). Este tipo de contrato é menos regulado por lei do que o anterior.

Não confunda o contrato individual de construção da casa com o contrato de venda do edifício para construir

Se o construtor oferece, além da casa, a terra, não é o contrato para a construção de casas individuais que se aplica, mas outro dispositivo legal mais protetor: o contrato de venda de construção para construir. O profissional é de fato responsável pela escolha da terra. Isso será pago gradualmente como a construção da casa.

Informação Requerida
Com ou sem um plano, o contrato de construção é um contrato por escrito feito por você - o cliente - e o construtor. A passagem em frente ao notário não é obrigatória.
O contrato deve incluir um conjunto de informações obrigatórias, das quais as mais importantes são:

  • a designação da terra,
  • a descrição do trabalho a ser feito;
  • as características técnicas do edifício a construir (obra de adaptação do terreno, ligação...);
  • o custo total da operação;
  • o plano de financiamento;
  • a data de abertura do site;
  • o tempo de execução do trabalho;
  • penalidades tardias em caso de atraso na entrega;
  • as justificativas das garantias de entrega efetuadas.
o garantia de entrega constitui para você uma segurança essencial. Se o construtor abandona o local ou os arquivos para falência, o seu fiador indicará um comprador. Será responsável por completar o trabalho. Em caso de atraso na entrega do site de mais de 30 dias, o fiador pagará as indenizações previstas no contrato.

Direito de retirada

O contrato assinado, acompanhado de documentos obrigatórios (incluindo um aviso descritivo), será enviado a você por carta registrada com aviso de recebimento. A partir do dia seguinte à primeira apresentação desta carta, você tem 10 dias para se retratar.

Depósito de segurança

Antes do contrato de construção ser assinado, nenhuma quantia de dinheiro pode ser solicitada.
No dia da assinatura, o construtor pode solicitar um depósito de segurança representando no máximo 3% do preço da construção. Será pago em uma conta especial em uma instituição de crédito ou uma companhia de seguros autorizada.
Se você se retratar no prazo de 10 dias, o depósito pago será devolvido a você na íntegra.

O preço a pagar pelo edifício

O preço acordado com o fabricante é fixo e definitivo. Este não pode lhe pedir subseqüentemente nenhum aumento de preço. Se a construção é mais difícil e mais cara que o esperado, tem as conseqüências financeiras.
No entanto, uma revisão de preços, durante a construção, é possível se o contrato assim o permitir. É feito de acordo com a variação do custo do índice de construção.
O pagamento do preço da construção é obrigatoriamente distribuído no tempo de acordo com a evolução das obras.
O montante total pago não pode exceder:

  • 15% do preço na abertura do site;
  • 25% após a conclusão das fundações;
  • 40% na conclusão das paredes;
  • 60% fora d'água;
  • 75% na conclusão das anteparas e no desligamento;
  • 95% de conclusão de equipamentos, encanamento, carpintaria e aquecimento.
Os restantes 5% são pagos na "recepção de obras" ou quando as reservas são levantadas.

A recepção do novo alojamento

Uma vez terminada a casa, você fará, com o construtor, a recepção das obras, ou seja, uma visita completa do local. Depois disso, um relatório de recepção é estabelecido. Você deve relatar quaisquer defeitos encontrados na forma de reservas. Se o dia da recepção, você não é assistido por um profissional (arquiteto ou escritório de design), você terá 8 dias adicionais para fazer reservas. Abra seus olhos porque todos os defeitos de conformidade e defeitos aparentes não relatados são considerados aceitos.
Além disso, a partir da recepção das obras executar as diferentes garantias devidas pelo fabricante:

  • A garantia de conclusão perfeita durante um ano;
  • A garantia bienal (por dois anos) sobre os itens do equipamento;
  • A garantia decenal (durante 10 anos) pelos danos importantes.
Se houver reservas, você não poderá manter os 5% sem nenhum outro procedimento. Você deve, em princípio, registrar o valor envolvido nas mãos de terceiros: o fundo de depósito e consignação, por exemplo, se o fabricante concordar.

Trabalha às suas custas

O contrato de construção com fornecimento de plano deve especificar o custo total da construção.
Se você quiser fazer parte do trabalho sozinho (por exemplo: lixar o gesso, pintar paredes e tetos...), peça-lhes que mencionem no contrato o seu custo. Você pode finalmente desistir deles. Mas você deve informar o fabricante dentro de 4 meses a partir da assinatura do contrato, por carta registrada com aviso de recebimento. Após esse período, o profissional não precisa mais garantir o preço indicado no contrato.


Instruções De Vídeo: NOVAS NORMATIVAS DA CAIXA ECONÔMICA PARA O PLANO MINHA CASA MINHA VIDA