Neste Artigo:

É sempre possível negociar o preço de um apartamento. Especialmente que na maioria das vezes, os vendedores deixam uma margem de manobra... então, sabem lucrar com isso. E mesmo em face de um vendedor intransigente, à primeira vista, encontrar os argumentos para negociar um preço de acaht do apartamento que você está interessado, para baixo.

10 dicas para negociar o preço de um apartamento

10 dicas para negociar o preço de um apartamento

1 - Prepare seu projeto para ter credibilidade

Você deve inspirar confiança no vendedor e mostre a ele que você é um comprador sério. Você sabe o que quer, o que é importante para você e suas finanças. Você já entrou em contato com seu banco e sabe como financiar o projeto.
Mas no começo, evite revelar seu orçamento. Deixe-se margem de manobra: o vendedor aceita um declínio e você, do seu lado, faz o esforço para pagar esse preço!

2 - Conheça o mercado imobiliário local

Para negociar o preço de um apartamento, você deve ser capaz de comparar preço àquela de propriedade similar. Quando você viu um apartamento que pode ser adequado para você, vá para sites de listagem de imóveis para verificar se o preço é justo ou superfaturado. Isso lhe dará uma ideia do seu margem de negociação.
Na Internet, todas as principais marcas de agências imobiliárias oferecem estimativas livres de boa, indicando um preço tendo em conta as características da habitação (endereço, ano de construção, equipamento, etc.) ou um preço por metro quadrado.
Essas indicações são um bom ponto de partida para iniciar uma negociação.

3 - Aprenda a descriptografar listagens de imóveis

Ao ler um anúncio, preste atenção à data da publicação. Você saberá quanto tempo a propriedade está à venda. Se isso faz mais de 3 mesesvocê terá mais facilidade para negociar do que se o apartamento acaba de ser colocado à venda. O site Castorus ou Small pebbles do SeLoger.com possibilita o acompanhamento dos anúncios imobiliários.
Isso também permitirá que você saiba os bairros mais atraentes onde as mercadorias são fáceis de vender e as que são menos, mas que, em vista da sua situação, podem ser perfeitamente adequadas para você.

4 - Prepare seus argumentos para pedir uma redução de preço

Listar todos os argumentos para diminuir o preço. Seja específico e não hesite em mostrar os documentos do vendedor que justificam o seu pedido: pequenos anúncios de mercadorias semelhantes, mas mais baratos, documentos que atestam preços por m², estimativa de trabalho a ser feito, etc. Você deve sempre aparecer como uma pessoa séria e confiável em seus pedidos.

5 - Facilite para o vendedor

Você quer fazer um bom negócio, mas o vendedor também... Então fale para saber seus motivos e sua determinação. Tentando saber por que ele vende? Ele está com pressa? Se assim for, ele estará mais inclinado a aceitar um preço mais baixo.
Tornar mais fácil para você, propondo seu notário, argumentando que seu plano de financiamento é aceito pelo banco, que você pode assinar o contrato de vendas no local e que você pode reduzir o tempo de venda por algumas semanas.
Mostre que você também está pronto para fazer um esforço, se for pelo preço.

6 - Listar os defeitos do apartamento

Pode parecer surpreendente, desde que você quer comprar este apartamento, mas uma compra é sempre um compromisso entre o que você quer (localização, área, etc), o que está disponível e seu orçamento... Então, não hesite em listar o que é Negativo para negociar o preço.
Alguns critérios reduzem os preços: apartamentos de baixa luminosidade ou voltados para o norte, diagnóstico de desempenho energético (EPD) na categoria E, F ou G, térreo ou apartamento de primeiro andar com vista para a rua, trabalho de renovação a ser feito, dificuldade de estacionamento, etc. Tenha em mente, no entanto, que esses pontos negativos, é você quem terá que apoiá-los...

7 - Coloque vários fornecedores em concorrência

Se você tiver a chance de hesitar entre vários apartamentos, Coloque os vendedores em competição! Explique que você tem outro apartamento à vista, mas que você ainda tem uma preferência por ele, mas o preço... em suma, se baixar o preço, você compra imediatamente!

8 - Permaneça razoável

Se o apartamento que você está procurando é pelo seu preço justo, obter 5% de desconto é um ótimo desempenho. Querer mais é arriscar perdê-lo. Mas se você preparou bem o seu projeto, isso não vai acontecer!
Se, por outro lado, é superfaturada ou se há trabalho a fazer, você pode esperar Redução de 10 a 20%. O importante é o preço em que você compra o apartamento e não o desconto em si.
Mas lembre-se, dependendo do jogo de oferta e demanda, você obterá mais se a oferta for maior que a demanda.

9 - Atreva-se a negociar face a face

É melhor negociar cara a cara com o vendedor, em vez de fazê-lo por telefone, correio ou SMS.
Defina um preço mínimo e comece fazendo uma primeira proposta menor que essa. À medida que a discussão progride, aumente gradualmente até o preço máximo que você está definido. Ao defender suas propostas, argumente destacando os defeitos e / ou a sobretaxa.

10 - Seja paciente e continue sorrindo!

Bem, negociar o preço de um apartamento leva tempo para preparar o arquivo. Seja paciente e não se apresse até ter todas as cartas na sua mão. E seja qual for o resultado da negociação, sempre fique sorrindo e apresente-se seu melhor dia.


Instruções De Vídeo: 10 dicas para escolher um apartamento | Lia Camargo para ZAP